Vida com prazo de validade...

Hoje, 14 de junho de 2012, deixarei o espaço exclusivamente feminino pra expor um pouco minhas reflexões. Hoje o avô do meu esposo faleceu. Quando uma pessoa idosa se vai nós sentimos muito mas de certa forma no coração há um certo conformismo pois espera-se ir embora nesse tempo de idade avançada. Mas nem sempre é assim... as vezes sinto que a vida é como um sonho, recheada de coisas surpreendentes e inacreditaveis e partir é uma das mais tremendas delas.

A vida é em si frágil, sempre. Mas nela não existem fases mais delicadas do que quando somos recém chegados ao mundo ou quando estamos perto de ir embora. Nos dois casos a saúde é delicada, precisa de cuidados especiais e somos dependentes uns dos outros. Mas é incrivel como a aparência diverge em meio a situações tão iguais: o bebê e o idoso.

Delicadeza
Esse é um tema difícil de tragar, de escrever, de ler... e penso mesmo que não deva se pensar a ponto de se preocupar e não mais aproveitar as coisas boas da vida. Medo de doença, medo de avião, medo de ladrão. Há pessoas que são escravas dos medos e por conta dele desenvolvem pânicos terríveis que as trancam em casa e quando não, as levam a hospitais em crises de pavor as quais todos estamos sujeitos.

Mas a vida foi feita pra se viver independente de seu prazo de validade. Quem tem fé sabe e crê que isso aqui é só uma passagem, um mistério de Deus, sabedoria do mundo invisível. Deus é bom e as circunstâncias da vida não podem apagar em nós essa verdade. Nossos sofrimentos precisam nos fazer crescer não nos fazer transferir pra Deus nossa raiva como se a pessoa imutavel de Deus pudesse mudar por causa de uma circunstancia. Não é fácil agradecer quando se está sofrendo mas se não confiamos não somos felizes.

Meu avô já está com 91 anos. Meses atrás ele teve uma infecção e foi internado. Ele ficava repetindo: "Estou partindo da vida para a vida em abundância". Eu achei tão bonito isso e ao mesmo tempo tão forte e duro de se ouvir... ele ainda não partiu mas é inegável que são poucos anos que ele tem de expectativa.

O mundo recebeu a Jesus Cristo a 2000 e poucos anos atrás, um homem diferente de todos que já nasceram em todas as épocas. A Bíblia registra que o falar de Cristo surpreendia até os que queriam prendê-lo (João 7 verso 32 e versos 45 e 46). Ele falou sobre muitas coisas inclusive vida e morte, e em especial a vida em abundância que meu avô citou (João 10.10) uma vida que só é dada a quem crê e eu creio. Jesus morreu pra que não tenhamos morte eterna, uma condenação que há no mundo invisivel e que Ele quebrou com a sua própria morte pra quem crer Nele. Difícil de entender mas real.

Quero viver meus dias e aproveitá-los ao máximo orando a Deus que me sustente nas lutas e matenha acesa a esperança do presente que Ele nos deu, a vida eterna. Uma vida nova que não está nessa terra. Oro a Deus que me apegue as pessoas o suficiente mas que saiba também viver sem elas. Oro que eu possa ser feliz nessa vida mesmo em meio aos sofrimentos, que esses não consigam tirar o brilho de viver. Oro que eu esteja preparada não só de palavras mas de emoções para a vida.


Tenha um bom dia e busque a Deus, só Ele tem as Palavras, só Ele pode me dar um tesouro de valor: tenho a vida Eterna.

Beijos

Comentários

  1. Aline Cristina (alinesnc@gmail.com)terça-feira, 26 junho, 2012

    Amém Ruth! Suas palavras foram simplesmente emocionantes ,¨

    ResponderExcluir
  2. Lindas palavras mesmo! Aqui vc ganha uma grande admiradora nâo só para esse blog, que eh tbm Divino, mas tb para a pessoa que vc eh, pelas palavras aqui escritas e por temas tão pertinentes e atuais aqui abordados, onde se eh dado a cada um deles, de forma especial e particular, o brilho de Cristo. Parabéns! Yasmine.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Comente aqui!

Postagens mais visitadas