quarta-feira, 14 de novembro de 2012

Você sabe o que é Blues Puerperal???



Olá Divinas... andei sumida... peço desculpas pois andei meio atarefadinha nos últimos meses, muitas coisas para dar conta, meu filhote adoeceu e tive que literalmente “me virar nos trinta”. 

Mas voltando a minha pergunta, você já ouviu falar do Blues Puerperal?? Bem, eu nunca tinha ouvido falar, até sentir na pele, estava passando por aquilo e não sabia o que era... até ir pesquisar na internet e saber o  verdadeiro nome do “terremoto” que passava dentro de mim. 


Pois bem, o blues puerperal é uma espécie de melancolia pós-parto, uma tristeza que dá na gente, como se estivéssemos vivendo algo muito ruim, ao invés de curtir o baby e sorrir o tempo todo, só dava vontade de chorar... eu até hoje não sei explicar o que de fato eu tinha, era muito choro, uma vontade danada de não ver ninguém, ficar só, sem contar do cansaço que era grande... talvez devido ao choque de realidade, a ficha caindo devido a mudança que ocorreu da noite para o dia de nossas vidas e aquela sensação que nunca mais seremos a mesma pessoa... enfim... foram praticamente quinze dias neste estado... hora chorando, hora sorrindo, mais chorando que sorrindo. 

Além de tudo isso, acho que o que contribuiu para me deixar tão nervosa e neste estado melancólico foi o fato de no inicio eu não conseguir amamentar direito meu filho, ele não pegava meu seio e eu tinha que desmamar o tempo todo, então na hora que ele ia dormir, ao invés de eu dormir, eu ficava horas desmamando meus seios para alimenta-lo, quando finalmente conseguir acertar na mamada, veio outro problema que foi meus seios ferirem muito... então eu tinha a sensação que todos aqueles problemas nunca iam passar. 

Mesmo com tanta agonia passando, em nenhum momento eu deixei de cuidar de meu pequeno, e conseguir separar a raiva, o choro e a agonia e não deixar afetar minha relação com ele. Depois desta experiência eu consegui entender porque muitas mães sofrem de depressão pós- parto e praticam coisas absurdas com seus filhos...  é uma situação difícil, mas que a mamãe precisa de MUITO apoio e paciência da família.

Graças a Deus contei com a ajuda do meu marido, mesmo eu estando muito estressada e descontando quase tudo nele, ele teve muita (põe muita nisso) paciência comigo e compreendeu que todo aquele meu nervosismo, choro, alteração de humor nada mais era que uma fase que eu estava passando, fase difícil mas que se ele brigasse comigo, não ia ajudar em nada a melhorar a situação.

Eu me preparei muito para ser mãe, esperei, desejei, me programei, mas cada dia venho descobrindo que a gente sempre vai ser surpreendida com novidades, e não adianta tanta preparação, surpresas acontecem.
É muito importante que diante situações com essa que eu passei, ter alguém do lado apoiando.  A mãe, o marido, uma irmã... pois tudo é uma questão de tempo, e é situação passageira. 

Adrilúcia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente aqui!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...