Fazer o casamento dar certo não é simples!

Hoje, eu vim ouvindo o rádio no carro. Os nossos CDs têm um dom de sumir ou de nos fazer abusar deles. A gente escuta tanto que decora a sequência das músicas e depois não quer ouvir mais nunca. Daí, a opção que fica é o rádio.

Uma nova jornalista vai começar na rádio pra falar sobre o mundo dos artistas. Uau.. na hora eu até disse, vixe... jornalista de fofocas. Vai dizer qual casal casou, qual divorciou. Não é assim? Recentemente houve mais um dos milhares de divórcios. Sem querer a gente fica sabendo. Na fila do supermercado tem uma capa de revista gritando que Ticiane e Roberto Justus se separaram.


Eu não sei como é ser artista famoso, mas, em 2 anos e meio de casada, posso dizer que casar não é tão simples assim, e talvez seja essa a razão de muitos casais se divorciarem. Se você está em um relacionamento bom e está pensando em casar, vou colocar alguns pontos que são importantes vocês estarem cientes. No final, casar pode ser uma experiência extremamente recompensadora! É o que tenho vivido!

Primeiro, é importante você tentar visualizar no que você está 'se metendo', imaginar o futuro ao lado dessa pessoa. Mas como imaginar? Não como em um conto de fadas onde tudo é lindo, romântico e perfeito, nem como um pesadelo, onde tudo da errado. Imagine as qualidades e os defeitos, seus e do seu noivo/noiva, e some a coisas inesperadas (boas ou ruins). Você gosta do que vê? Nossos defeitos e qualidades continuam nos acompanhando quando casamos, mas outras coisas se revelam, muitas outras coisas. Nós mesmos passamos por um processo de mudança pra se adaptar ao novo estágio de não ser mais apenas um, mas dois.

Na prática, quero dizer que se você percebe que o seu noivo é agitado, ele vai continuar sendo. E você, que é lenta pra tudo, vai continuar sendo. Mas, talvez casada você descubra uma habilidade nova como: acalmar o seu marido com um cafuné, ou com uma vitamina de manhã cedo. É preciso um tempo considerável de namoro. Nunca case rápido demais. É bom vivenciar situações variadas com seu futuro cônjuge antes de assinarem os papéis. Tentar imaginar se você consegue encarar o seu jeito até o fim da vida. 

Depois que casei me conheci ainda mais. Quando somos solteiros, temos a nossa personalidade traçada pelas pessoas que nos rodeiam. Nossos pais, irmãos, ou àqueles com quem convivemos diariamente apontam características nossas, observadas em anos de convivência: "Fulano é elétrico, é preguiçoso, etc". Quando a gente casa o nosso ser se isola desses conceitos e coisas novas podem surgir, sentimentos novos. Você pode se descobrir muito mais generosa do que pensava ser, ou até mais impaciente (tomara que não).

É importante que o casal que se prepara pra casar não tenha segredos. Que coisa óbvia né? Nem sempre. As vezes você tem um defeito que da um jeito de esconder até a morte. Ele tem que se revelar antes do casamento. Você precisa conversar sobre como aquilo lhe faz se sentir. O amor é muito interessante, é realmente lindo. Se seu noivo/noiva realmente lhe ama, ao conhecer o seu defeito (físico ou não), poderá ocorrer duas coisas: 1 ou ele vai achar seu defeito lindo ou vai lhe apoiar e relevar totalmente. Quem tem um segredo, uma vergonha, é escravo desse segredo ou vergonha. Ao revelar você se sentirá livre. Você vai acabar esquecendo do defeito. Como diz a Bíblia, o amor não faz mal ao próximo. Se abrir com o seu amor sobre seus defeitos, sejam físicos ou não, vai lhe fazer bem se o que há entre vocês é amor de verdade.

Uma dinâmica que meu amigo Alysson me sugeriu é a seguinte:
1 - Você se conhece e conhece o outro? Tem uma dinâmica muito legal.Feche os seus olhos e só pra você, descreva-se. Pense em todos os defeitos e virtudes. Depois veja se você tem coragem de dizer o que você pensou para o seu noivo/noiva.

Quando decidimos casar temos que estar dispostos a ser conhecidos por inteiro. No more secrets, no more shaime.

Uma segunda coisa que precisamos atentar, não menos importante que a primeira, é a consciência de que você, como futuro cônjuge, precisa ser uma pessoa que faz o seu cônjuge se sentir mais bonito, mais confiante, mais motivado, mais feliz. Lógico, isso tem que ser de um pra o outro, mas as vezes é você que com as próprias atitudes vai ensinar o outro como ser. Nada de ficar apontando os defeitos do outro a fim de humilhá-lo ou colocá-lo numa posição inferior a você. Nós mulheres temos uma habilidade linguística de deixar o outro mal. É preciso cautela.

Estar casado tem o perigo do comodismo. O comodismo de sempre fazer as mesmas coisas, de não se cuidar direito. Pra que o casamento tenha sucesso é preciso atenção e reflexão periódicos. Meu comportamento está fazendo bem ao meu esposo? Eu o motivo, eu ajudo a manter sua auto-estima alta? Eu continuo sendo uma pessoa interessante, atraente, que faço falta? Seu cônjuge precisa sentir saudades de você em sua ausência e visse-versa. Muitas vezes já tive a alegria de receber um: "estou com saudade de você" mesmo quando a nossa ausência um do outro foi só o expediente de uma manhã: 4 horinhas. É maravilhoso isso!

São muitas coisas pra se falar sobre casar e  estar casada. Ainda não falei nem a metade do que poderia falar. Por isso casar não é simples. Por isso, antes de casar, você e seu noivo/noiva precisam estar cientes do que esperam um do outro e do que esperam do casamento. Precisa haver uma disposição de ambas as partes de fazer aquilo dar certo. Hoje muitos divórcios acontecem. Mas eu acredito que o casamento pode sim ser indissolúvel e muito gostoso. Se os valores que vocês tem são parecidos tudo concorre para que as coisas deem certo.

Nenhum gosto pessoal, mania, costume, defeito, pode se sobrepor a alegria do casal. Todo mundo tem que ceder um pouco para o bem dos dois. Exija o tanto que você gostaria de ser exigido mas respeite os limites do outro. A auto-reflexão é sempre bem vinda. 

Espero ter contribuído pra algo!

Beijos, 

Deus abençoe seu relacionamento!

-----

Today, I came to work listening the radio in the car. Our CDs have a talent of disappear or make us take abuse of them. We listened to them so much until we decorated the music's sequence and, after that, we can't listening again. So, the radio passes to be the better option.

One new jornalist is going to start at the radio for speak about the star lifes. Uoh.. when I listened that, I said, oh my... a gossip jornalist! It will say which couple had got marry or got divorced. Is it true? Recently there was one famous divorce from thousands of them. In the row at the supermarket there is a magazine cover that says Ticiane and Roberto Justus got divorced.

I don't know what is be a famous artist, but in 2 year married I can say: get marry is not a simple thing, and maybe this is the reason to several divorces. If you are in a nice relationship and is thinking in get marry, I will put here some important points you should be cient. In the end, get marry can be an expirience extremely fine. It's what I have lived.


At first, it is important you try imagine where you are entering, imagine the future beside this person. But how to do this? Do not imagine the marriage like a fairytale where everything is beautiful, romantic, perfect, neither like a nightmare where nothing appears succeed. Instead, try to imagine your qualities and defects and the same from your bridgeroom. Plus unexpected things. Are you like what you see?  Our defects and qualities continue following us when we get marry, but new things arise. We pass through a "Personal Change Process" to adapt us to this new phase. It's not just one person anymore, but two person living together.

In practice, what I am saying is if you notice your boyfriend is a jumpy person, He will continue being. And you, if you are lazy, you'll continue being. But maybe married you'll discover a new ability. It's necessary a good time for known each one to another. Have different experiences beside him/her, different situations. You should never decide get marry too quikly. 

After married I know myself more and more. When we are single, people that live with us, parents, brothers, friends, criate a concept about us "John is perfeccionist. Maria is bore. Ana is lazy...". When we are married our nature is isolated from those concepts and new things come up. You can discover you are very generous.

It's important that the couple is preparing to marry hasn't secrets behind one from the another. Is it obvious? Not ever. Sometimes you have a secret, a defect, that you'll hide until die. It needs be revealed before the marriage. You need to talk about how that makes you feel. Love is very interesting, it is really beautiful. If your mate loves you, when you tell him/her your secret (physical or not), there'll two possible reactions: One - Or he/she will see like a beautiful thing, or 2, he/she will reveal totally. People that have a secret, or a shame, passes to be slave of that. Revealing, you'll be free. The Bible says " Love worketh no ill to his neighbour: therefore love is the fulfilling of the law. " Roman 13.10.


There's a group dynamic my friend, Alysson, teached me:

Do you know one to another?

1. Close your eyes and, just for you, think about your defects and qualities. After that, try to say all you thought to your mate.

One second important thing we need have attention, not less important than first one, it's to be conscient. You, as future mate, need to be onde person that makes your mate feel more beautiful, more confident, more motivated, more happy. Obviously, it needs to be reciprocal, but, sometimes, you'll teach with your actions, how he/she should behave. Don't point mistakes from another to humiliate them or put him in a under position from you. 

Get marry it can be dangerous in one thing. To do ever the same things, lose the care about own appearance. A good succeeded marriage needs attention and periodic self reflection. Is my behavior making my husband feel himself good? Am I motivating him? Am I aiding him to keep his/her self-esteem high ? Am I an interesting person yet? Is He missing you? Your mate needs miss you when you are away even you'll turn back quikly. 

There are too many things for talking about to be married. I haven't spoken neither the half of them. To get marry isn't so simple. Before get marry, you and your mate need to be conscient from the expectations from both about be married. It needs to exist disposition from both for making it happen. Although too much people get divorced, I believe the marriage can be amazing. 

God bless you.

Comentários

  1. Que texto lindo!
    Sempre fico pensando se os defeitos e qualidades do meu namorado serão bem aceitos na convivência do dia a dia, mas acho que nós dois somos pacientes o suficiente para saber contornar coisas do tipo :)

    Beijos e boa semana!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Pauline! Obrigada pelo carinho!

      O resumo desse texto é o amor! Se há amor, se há disposição pra amar, tudo da certo! Como tudo na vida que é bom, precisa de investimento.

      Beijos, boa semana pra vc também!

      Excluir

Postar um comentário

Comente aqui!

Postagens mais visitadas