quarta-feira, 30 de julho de 2014

Razões e Emoções: Somos Roubadas - Autora: Danielle Trindade

"Como sempre, estávamos a frente, ou bem atrás no passado, sobre o presente. Hoje ou aqui, é impossível para nossa mente inquieta e coração acelerado".

Desde criança nossas brincadeiras nos remetem ao futuro, levamos tudo tão a sério. Brincamos de ser mães e donas de casa, desde de cedo cozinhamos de brincadeira e isso é só o começo. Por que logo começamos a sonhar com o futuro que a pergunta nos remete: O que você quer ser quando crescer?

Nos deparamos com o hoje, e logo em nossa imaginação saltamos para o amanhã, e começa o processo dos nossos futuros problemas! Aventuras, histórias, decepções, fracassos e sucessos que verdadeiramente nunca existiram, tudo aconteceu no universo paralelo das nossas mentes, e nesse lugar algumas de nós certamente se apaixonará diversas vezes, sem nunca ter colocado o pé na estrada que tem como destino o amor.

Outras, desejam o romance a todo custo, mesmo quando fogem dele numa velocidade assustadoramente feroz, e ainda que o amor não exista, elas são capazes de criá-lo. Nessa ânsia desesperadora, somos roubadas de verdadeiramente vivê-lo agora.

Depois de tantos erros e buscas mal sucedidas, começamos a acreditar que amor, realização e felicidade são apenas histórias de uma mente criativamente brilhante e alucinante. Quando estamos no futuro, projetamos, sonhamos, criamos cenários fantásticos, desenvolvemos personagens, circunstâncias, e não aceitamos nada aquém e nem além do que o projetado. Rejeitamos o hoje que não correspondeu a nossas expectativas de ontem.


Desesperadas corremos para o passado, buscando refugio. E nos deparamos com os fantasmas da frustração do que não foi, ou nos responsabilizamos cruelmente pelo resultado negativo, e nos culpamos por não fazer dá certo. Quantos amores e projetos que nunca existirão fracassaram?

Em cada amanhecer somos servidas de opções e oportunidades, devemos desperdiçar? Estou completamente enganada?! É possível que haja uma conveniente felicidade entre passado e futuro, podemos viver entre os dois e pular às etapas, transportando-nos entre o que foi e o porvir!

Não acredito na conveniência da conveniente fuga do aqui e agora! Preciso me alicerçar no hoje, descobrir o bom naquilo que está sendo servido. A realidade pode não ser o romance sonhado, a maternidade esperada, o sucesso profissional projetado, a reconciliação , ou qualquer condição que a vida esteja nos negando e com gritos veementes nos jogando entre foi e será.

Possivelmente estamos vivendo num projeto futuro que nunca existirá, ou num passado fracassado que nos aprisiona no ontem, nos roubando o presente que recebemos todos os dias! O banquete esta servido, o hoje pode ser a descoberta de um novo hobby, algo que você acaba de descobrir que gosta, ou uma amizade nova que te leva a rir de você, o trabalho a concluir, ou comer algo bom e se saciar, e contemplar algo extraordinário e cotidiano, ou pode ser a exaustão da realização, a satisfação da conclusão, ou o ócio que te faz contemplar a estrada viva e agradecer a Deus pela capacidade de realização.

O hoje chegou pra você! Há um grande possibilidade do seu hoje ser dor, frustração, decepção, perda, vazio, fracasso ou tédio, misturando sentimentos que te roubam e te levam para ir e vir. Coragem! Seja livre hoje, na saúde, na doença, na alegria, na tristeza, na abundância ou na escassez....



O hoje chegou pra você! E aqui não existe os erros do passado, nem o risco do futuro, tudo começou de novo, experimente. Há uma grande CHANCE de que alegria e satisfação que você busca entre passado e futuro estejam exatamente Aqui!

Danielle Trindade

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente aqui!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...