Vida de Mãe: E na hora de dormir?

Geeeente! 

A última postagem da Ruth sobre o soninho dos casados (Leia Aqui) deu o que falar! Pensando nisso, venho contar a vocês mamães e futuras como é conseguir dormir depois dos filhos!

Sendo sincera, não é fácil! Isso porque, antes do Pedro nascer, eu tinha meu horário de dormir e de acordar durante a semana por causa do trabalho e nos fins de semana eu poderia me dar ao luxo de acordar a hora que eu quisesse. Depois que o Pedro nasceu, logo nos primeiros meses, não existia horário para dormir por conta das mamadas. Com o passar dos meses, meu filho foi acordando menos vezes e me dando um pouco mais de folga a noite. Uma de nossas leitoras disse "o casamento começa depois que os filhos nascem", concordo plenamente!!! Aí é que você sabe onde o sapato aperta e se o casal de fato está preparado para segurar a barra, na alegria e na tristeza, com filhos e sem filhos.





Depois que o Pedro parou de mamar, viva! Passou a dormir a noite toda! Confesso que estranhei as primeiras noites sem aquela coisinha mamando, senti falta e eu quem corria para cama dele para dormir sentindo aquele cheirinho gostoso. 

Já tem um pouco mais de um ano que o Pedro dorme a noite inteira, raaaaras vezes, ele acorda e me chama para ficar com ele. Mesmo assim, eu sempre acordo durante a noite para passar a mão nele, ver se esta com calor, com frio, para ver se ele está respirando... tenho mania de colocar o dedinho no nariz dele para sentir sua respiração, parece meio doido isso né?! Mas quem é mãe me entende. Uma mãe entende a loucura da outra! 

Depois que nos tornamos mães, nos acostumamos de um jeito ou outro a rotina pesada, a dormir pouco, a ir dormir depois e acordar antes. E mesmo com todo o cansaço do mundo, mesmo quando a gente não quer levantar, é recompensador aquele abracinho gostoso e quentinho. Trabalhar o dia inteeeiro e chegar em casa e ainda ter pique para brincar, cuidar, por para dormir e muitas vezes colocar nossas necessidades depois das necessidades dos nosso filhos, tem que ter muita disposição, paciência e amor!

E dizem que depois que os filhos crescem, a preocupação aumenta e o sono diminui - a história do "filho criado, trabalho dobrado", será?. Enfim, se você pensa em ser mãe, aproveite hoje seu tempo para dormir, porque de fato, depois dos filhos, dormir é luxo!

Quando eu ainda não era mãe, eu tinha muita insônia, hoje já não sofro desse mal (só quando tomo café a noite). Mas eu digo uma coisa a vocês que tem esse problema (Viu Ruth Veras?), não há mal no mundo que um filho não cure. Aprendi a dormir depois que Pedrinho nasceu...kkkkkkkkkkk!

Mas nada no mundo compensa um sono perdido, que um sorriso, um abraço, um "eu te amo" do filho. Eu faria tudo novamente, e não há carga melhor para minhas baterias que estar com meu filho Pedro.


Beijos


Adrilúcia Gonçalves



Comentários

Postagens mais visitadas